A importância de um nascimento

20:13 Douglas Levita 0 Comentarios



A história nos ensina que em 1809 o mundo todo se ocupava com as campanhas de Napoleão. Os jornais só falavam das marchas, campanhas e batalhas do ditador Francês que parecia que logo iria dominar o mundo todo. 

Em 1809 a maioria das pessoas só falavam nos milhares de soldados mortos, em quanto sangue estava sendo derramado nas ruas e nos campos da Áustria. Napoleão, o grande conquistador, estava ganhando uma batalha atrás da outra. Ninguém se importava com uma coisa tão comum, tão insignificante como o nascimento de uma criança.

Mas, em 1809 nasceram vários bebês que iriam influenciar seu mundo de forma que poucos hoje, 188 anos depois poderiam ignorar. Nasceram naquele mesmo ano: William Gladstone, um dos maiores estadistas britânicos de todos os tempos, um homem que instituiu grandes reformas no sistema educacional e político da Inglaterra. Oliver Wendell Holmes, o famoso médico e autor Americano. Abraão Lincoln, o homem que instituiu o fim da escravidão nos EUA. 

Quem iria se importar com o nascimento de um bebê em dias de tanta tragédia e sofrimento? Quem diria que quando o mundo estava olhando para os grandes homens da história e seus feitos, Deus estava preparando homens maiores ainda para realizarem coisas de paz para os homens? Quem diria?

É interessante saber também, que em 1809 a Sociedade Britânica e Estrangeira lançou sua primeira edição da Bíblia inteira em português da tradução de João Ferreira de Almeida.

0 comentários:

Postagem mais recente Página inicial Postagem mais antiga